Descanse em paz, menino Vítor!

… O nosso problema não se encerra no cinismo de nos revoltarmos com alguns crimes e nem ligarmos a outros. O nosso problema amplifica-se com esta seletividade, na medida em que ela nos torna cúmplices da barbárie, ao nos ao nos comportarmos como se houvesse categorias de cidadãos brasileiros mais extermináveis do que outros… Continuar lendo Descanse em paz, menino Vítor!